“Essa gente é cheia de doença”: Crinça de 4 anos sofre racismo em hotel de Luxo

Oitava edição do Festival Latinidades

Uma criança de apenas 4 anos foi vítima de racismo em um hotel de luxo, enquanto brincava em uma piscina e Porto Feliz, interior de São Paulo. A criança estava na piscina quando começou a ser discriminada pelas por outras crianças que também estavam brincando. Em dado um momento, as mães começaram a pedir que os meninos e meninas que brincavam na piscina mudassem de local. Uma das mães teria declarado abertamente, essa gente da doença, essa gente esta cheia de micose.

A mãe da criança discriminada postou uma denúncia em sua página pessoal no facebook. O caso de racismo demonstra como o avanço da direita e dos setores mais reacionários e conservadores da sociedade também impulsiona e estimula tais condutas racistas e violentas, atingindo até mesmo crianças, como neste caso.

A luta contra o racismo passa necessariamente pela luta contra a direita e tudo o que ela representa, ou seja, sua ideologia reacionária e de violência contra os setores oprimidos da sociedade, como os negros, por exemplo.