Demissões
A empresa Oi pretende demitir 2 mil trabalhadores, o que corresponde a cerca de 15% do seu quadro total de funcionários.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Logotipo da Oi. 18/7/2018. REUTERS/Paulo Whitaker
Demissão massiva por parte da Oi. | REUTERS

A empresa de comunicações Oi anunciou o lançamento de um Plano de Demissão Voluntária (PDV) para dois mil trabalhadores, que deve atingir cerca de 15% do quadro total de funcionários. Conforme justificou a empresa, o PDV é parte de um plano estratégico de  massificação da fibra ótica no Brasil.

Em meio à pandemia do COVID-19, as empresas buscam se aproveitar das dificuldades de mobilização para levar adiante uma política de demissões massivas. Estas são facilitadas pelas medidas propostas e aprovadas por Jair Bolsonaro (ex-PSL, sem partido), que facilitam o corte de salários e demissões.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas