Dívida pública cresce
Apesar da demagogia do governo de defender cortes de gastos para atacar os trabalhadores, na realidade as despesas do governo seguem aumentando e alimentando os especuladores.
Especulação financeira
Dívida pública alimenta a farra dos especuladores financeiros. | Foto por: reprodução.
Especulação financeira
Dívida pública alimenta a farra dos especuladores financeiros. | Foto por: reprodução.

Conforme dados divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional a dívida pública brasileira atingiu segue em crescimento e atingiu incríveis 4,34 trilhões de reais em julho, cerca de 60% do PIB brasileiro de 7,3 trilhões em 2019.

Em julho de 2019 a dívida era 3,99 trilhões de reais e vem subindo mês a mês, atingiu o maior número no último período de 4,39 trilhões em junho. A dívida pública federal, se refere principalmente a títulos de dívida emitidos pelo governo federal para financiar o déficit orçamentário do governo, ou seja, para cobrir despesas que a arrecadação com impostos, contribuições e outras receitas não conseguem suprir.

É importante destacar que, apesar da demagogia de corte de gastos e de “país falido” que é a tônica da direita golpista desde o golpe de Estado e principal viés da política econômica do governo Bolsonaro, a dívida pública continua a crescer, mostrando que é somente um argumento falacioso para atacar os trabalhadores. Até porque a geração contínua de dívida pelo Estado, “alimenta” os lucros dos especuladores financeiros que ficam com cerca de 60% do orçamento federal.

Relacionadas
Send this to a friend