Vídeo: “Educação? Com fascistas, nenhuma!”, diz ator espanhol Willy Toledo a fascistas

4736107

Da redação – Não é só no Brasil que a extrema-direita coloca as mangas de fora para perseguir a esquerda e o movimento popular. A Espanha vive uma situação semelhante, com a ascensão de grupos fascistas como o partido VOX.

Dois integrantes desse partido abordaram o ator Willy Toledo, conhecido por sua posição política de esquerda, em uma estação de trem de Madri. Como ultranacionalistas, eles o provocaram para que deixasse a Espanha. Toledo respondeu: “Vai tomar no cu, anormal”. Quando os brutamontes falaram que ele não tinha educação, respondeu: “Com fascistas, nenhuma”.

A provocação dos dois elementos de extrema-direita foi motivada principalmente pela entrevista que o ator deu ao canal do jornal Público, “Público TV”, algumas semanas atrás. Na ocasião, falando sobre o VOX e a ascensão do fascismo, Toledo foi enfático: “É preciso sair às ruas, o fascismo se combate nas ruas, na porrada. Só se combate o fascismo na porrada. Eles não têm nenhuma intenção de dialogar com ninguém. Então, como vamos combater o VOX? Con educação?”

Willy Toledo, que já protagonizou dezenas de filmes, também tem protagonizado episódios de resistência ao fascismo e ao Estado imperialista e repressor espanhol. No início de outubro, a reacionária Justiça espanhola emitiu uma ordem de prisão ao ator por não ter comparecido a audiência sobre uma denúncia contra ele por ter, segundo a Justiça franquista e inquisidora, ofendendo os sentimentos religiosos ao fazer uma publicação no Facebook. Ele continua perseguido pela Justiça.