Nesta quarta, milhares vão ocupar Brasília pela liberdade de Lula e por Lula presidente

brasilia protesto

De todo o País já saíram e estão saindo hoje caravanas com destino a Brasília para o ato de registro da candidatura a presidente da República da maior liderança popular do País, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na tarde desta quarta (15).

De cidade próximas de Brasília, partiram três colunas do MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra), que totalizam mais de 5 mil companheiros. Os Comitês de Luta Contra o Golpe, pela anulação do impeachment, pela liberdade de Lula etc., estão mobilizando mais de 5 mil ativistas, de Norte e Sul do País. A CUT e seus sindicatos trazem centenas de caravanas. Partidos de esquerda, como o PT e o PCO, estão levando outros milhares de militantes envolvidos na luta contra o golpe e defensores da candidatura presidencial de Lula.

A Conferência Nacional Aberta de Luta Contra o Golpe, realizada nos dias 21 e 22 de julho em São Paulo, deliberou o eixo de ação “Ocupar Brasília, em favor do registro da candidatura de Lula, e de sua liberdade”. Foi uma ação convocada por meio de 100 mil jornais A Luta Contra o Golpe distribuídos em locais de trabalho, de estudo e moradia.

Na reta final, é hora de concentrar todos os esforços, de superar a confusão e a dispersão de alguns setores da esquerda que não compreendem a importância de colocar toda força na mobilização popular nas ruas. É preciso pressionar e enfrentar as instituições golpistas, como o judiciário e a venal imprensa burguesa que buscam, a todo custo, deixar Lula de fora, da disputa presidencial. Desejam realizar eleições fraudulentas, referendando um presidente-capacho que leve adiante a política ditada pelo imperialismo norte-americano contra a economia nacional e contra o povo brasileiro.

Mais uma vez convocamos toda a militância de esquerda para ir a Brasília e realizar um grande ato pela liberdade do ex-presidente Lula e em defesa de sua candidatura. Por cima da Lei, o ex-presidente está sendo mantido preso há mais de 120 dias em Curitiba e querem cassar o seu registro, que será encaminhando nesta quarta, dia 15.

Vamos dizer alto e claro em Brasília que as organizações de luta dos explorados não vão aceitar, não vão referendar, eleições sem Lula, pois eleição sem Lula é fraude!

Antes tarde do que nunca. Se você ainda não confirmou sua presença. Corra, entre em contato com os Comitês e demais organizações. A pé, de ônibus, de avião etc.… Vamos ocupar Brasília com dezenas de milhares de pessoas e dar um passo importante no sentido da mobilização revolucionária necessária à derrota do golpe e à conquista da liberdade de Lula, impondo sua candidatura presidencial.

Nenhuma frouxidão! Nada de “plano B”. É Lula ou nada!  Todos em Brasília.