Economistas tentam tirar culpa de recessão econômica de Bolsonaro

bolsonaro_economia

Com indicadores cada vez mais claros apontando recuo no PIB, as tentativas para tirar a responsabilidade do governo perante a situação econômica em que se encontra o país não param de surgir.

Propagandas que induzem o trabalhador na busca de “soluções criativas”, que o Sol brilha para todos e até descaracterizam seu papel por meio de outros nomes, como “colaborador” ou até mesmo “empreendedor”, se tornam cada vez mais presentes nos meios de comunicação. Com o desemprego beirando os 12% e o povo sem opções, condições de trabalho sem nenhuma proteção e que cada vez mais oprimem se tornam a única opção neste cenário.

Com a extinção do Ministério do Trabalho, o desmonte da previdência social, ataque aos sindicatos aproveitando o embalo da Reforma Trabalhista, estes índices mostram que esta realidade não é mera obra do acaso. Existe um projeto deste governo para oprimir ao máximo a classe trabalhadora, para garantir o lucro total para a burguesia. Neste cenário não há outro caminho senão a mobilização popular para se opor a este governo.