É oficial: Meirelles é o candidato-laranja do MDB

meirelles1

Da redação – O partido golpista, Movimento Democrático Brasileiro (MDB), confirmou hoje, 2, a candidatura “laranja” do ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, à Presidência da República. A oficialização ocorreu durante a Convenção Nacional, na capital, Brasília. O atual usurpador Michel Temer, que é do MDB, conseguiu ser o governante mais odiado da história do Brasil, com aceitação de 2%.

O ex-ministro conseguiu 85% dos votos necessários entre os 419 filiados, resultado que foi anunciado pelo presidente do partido, o senador Romero Jucá, conhecido nacionalmente pela declaração pré-impeachment do “acordo com o supremo e tudo” que derrubou Dilma Rousseff (PT) sem provas.

Os mdbistas se reuniram com o presidente golpista do partido, Jucá, no final da tarde da última terça-feira, 31, na sede da legenda em Brasília. Segundo a imprensa burguesa, discutiram detalhes da convenção. Mas deixaram um detalhe escondido, de lado. O motivo pelo qual chamarmos a candidatura de “laranja” – ou “candidatura camarão”, deixando o cabeça de fora -, como nos sistemas de corrupção, se coloca um nome falso de quem comanda o verdadeiro esquema, neste caso, lançando o candidato como sério, enquanto mantém o “acordão” com o PSDB por baixo dos panos. Resumindo, o MDB lança um candidato para não deixar explicito a aliança pela candidatura de Geraldo Alckmin, o que abriria uma crise ainda maior no bloco golpista. Mas na verdade o candidato do golpe e do programa que vem sendo levado adiante por Temer é o próprio Geraldo Alckmin, do PSDB.