Dow Jones: prisão de executiva da Huawei derruba índice em 700 pontos

EUA dow jones

Da redação – A Dow Jones, um dos principais índices econômicos do mundo, caiu mais de 700 pontos nesta quinta-feira (6), com a notícia da prisão de Meng Wanzhou, uma executiva da empresa chinesa Huawei Technologies e sua extradição para os EUA. A queda drástica traz as perdas de dois dias da Dow para 1.500 pontos e afeta a economia capitalista mundial de forma preocupante.

A prisão se deu pelas autoridades canadenses, que detiveram a diretora financeira por supostamente violar as sanções contra o Irã. Meng Wanzhou foi detida em Vancouver, no sábado, mas a notícia só está sendo divulgada recentemente e o que afeta ainda mais os números é o fato de ser filha do fundador da empresa.

O imperialismo abriu mais um flanco de ataque econômico contra a China (e também contra o Irã), aprofundando mais ainda a guerra econômica de Donald Trump, e, finalmente, ameaçando seu próprio país e o imperialismo mundial, uma manobra arriscada.