Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Neste domingo, 04, o prefeito golpista João Doria foi ao Jogo do seu time, Santos, contra o Corinthians. Usufruiu das regalias do camarote destinado exclusivamente à prefeitura. Mas sua aparição durou pouco. Lá pelos 22 minutos do segundo tempo houve um apagão no estádio do Pacaembú (onde ocorreu o jogo). Com o apagar dos refletores, o golpista foi embora do estádio.

A justificativa do golpista para ter se ausentado foi “motivos de segurança”. Mas sabemos que, na ala especial do golpista, segurança era o que não faltava. Seria um medo de represália? O que se sabe é que o problema dos apagões não parece ter uma data específica para acabar.
O apagão no Pacaembu não foi o primeiro. Na verdade é o 5° só em 2018. Segundo nota da Prefeitura de São Paulo, foi aberto um inquérito para averiguar o problema.

Sabe-se porém que o que aconteceu no estádio pode ser comparado ao que acontece nos diversos setores sociais, como saúde e educação. E, para todos, a política golpista e direitista é a mesma: sucatear ao máximo para justificar a iniciativa privada e a terceirização.

A Prefeitura passa a bola para o time que estava a mando de campo naquela partida (Santos), afirmando ser ele o responsável pela estrutura do estádio no dia do jogo. Já o clube afirma que a responsabilidade dos geradores é da Prefeitura da cidade.

Dos sete jogos que ocorreram no estádio do Pacaembú este ano, apenas 3 não apresentaram problemas de estrutura no funcionamento dos geradores. Menos da metade dos jogos. Um absurdo.

É de conhecimento de todos a importância do futebol no país. Um esporte que mobiliza o povo e que não pode ser interrompido por problemas de uma gestão golpista e corrupta. Por isso a importância da ampla mobilização na luta contra esses governos direitistas e golpistas.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas