Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Em um ano, a política do “gestor” playboy da cidade de São Paulo, João Doria, vem mostrando sérios sinais de retrocesso para o povo paulistano. Na área de saúde, além de oferecer comida e remédios estragados para a população, fechou várias Unidade Básica de Saúde (UBS). Aumentando a fila para consultas e procedimentos corriqueiros que são realizados nas UBS.

João Doria (PSDB) fechou a Unidade Básica de Saúde (UBS) Parque Imperial, na região da Saúde, zona sul da cidade. A população está sendo encaminhada para outras duas unidades na região, desde o final do ano passado.

A gestão argumenta que o local precisou se fechado por risco estrutural no prédio. Em janeiro do ano passado, a UBS República, na região central da cidade, passou pela mesma situação e acabou fechada definitivamente onze meses depois de ser interditada para reformas.

Não há previsão de quando, nem mesmo se a unidade vai voltar a funcionar. Somente uma faixa indica aos usuários as unidades que vão prestar atendimento e outra, oficializa a interdição pela Defesa Civil.

A política de João Doria é um ótimo exemplo de como a burguesia golpista trata com descaso a população brasileira. Na prática, quando não se leva em conta a demagogia dos discursos, os golpistas travam uma dura política de violência contra a população. A cidade de São Paulo não pode aguentar por mais três anos a política do prefeito escravocrata. Fora Doria!

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas