Ditadura Colombiana
Esses dois ex-combatentes das FARC-EP são 248° e 249° que foram assassinados desde a assinatura do Acordo de Paz em 2016
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
59a957be5fcfefarc-logo
Forças Aramadas Revolucionarias Colombiana - Exercito do Povo | Foto: Reprodução

O Partido Alternativa Revolucionaria del Común (FARC) denunciou no domingo a morte de outros dois ex-membros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia – Exército do Povo (FARC), com ex-combatentes 248 e 249 mortos desde a assinatura do Acordo de Paz em 2016.

Rosa Amalia Mendoza Trujillo, 25, foi assassinada no sábado passado no município de Montecristo, no departamento de Bolívar, região caribenha da Colômbia. E Manuel Alonso foi encontrado morto em Miranda, no departamento de Cauca, no sudoeste.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas