Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Sérgio Moro e Dallagnol no Fórum Mãos Limpas & Lava Jato
|

Da redação – Com a apreensão de supostos hackers, que teriam vazados as conversas entre Sérgio Moro e os procuradores da Lava Jato, revelando uma operação criminosa dentro do judiciário, a Polícia Federal decidiu que o “material apreendido será preservado, pois faz parte de diálogos privados, obtidos de maneira ilegal”. Desta forma, fica clara a manobra montada com a prisão dos “hackers”: o objetivo era justamente censurar as denúncias à Lava Jato, que agiu de forma criminosa.

A PF coloca a destruição do material como possível destinação das informações, o que gerou uma crise dentro da própria burguesia golpista.

Vale lembrar que a Polícia Federal é submetida ao Ministério da Justiça, de Sérgio Moro, o principal envolvido nos crimes denunciados. A censura, então, é explícita.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas