Ditadura: ninguém pode visitar Lula, a não ser a imprensa golpista cúmplice de sua prisão política

BRAZIL-POLITICS-LULA

Em mais um episódio do mais puro deboche com a cara da população brasileira, a edição desta semana da revista Veja traz detalhes do cárcere do ex-presidente Lula na sede da Polícia Federal, em Curitiba. Ou seja, enquanto Lula, um preso político de 72 anos de idade, não pode sequer receber visita de seu médico, o judiciário, sempre cúmplice da imprensa golpista, garante acesso livre da revista ao local.

Em todo esse processo de golpe está claro que, não basta a direita imperialista usar as instituições para perseguir e prender lideranças e ativistas de esquerda, eles também não fazem questão nenhuma de esconder suas intenções de humilhar o quanto for possível os perseguidos.

Lula é vítima de uma prisão completamente ilegal, em um processo farsesco e sem provas. Mesmo assim, ele segue preso e proibido de ter contato com seus companheiros de partido e, até mesmo, com sua própria família.

Vivemos em uma verdadeira, porém velada, ditadura. Para a direita, tudo é permitido. Eles prendem sem provas, executam e não se dão ao trabalho nem mesmo de falsificar uma justificativa, agridem militantes e saem impunes… É preciso responder a altura. É preciso organizar os trabalhadores para fazer frente aos desaforos dos golpistas. Se eles não respeitam a lei, e inclusive usam o judiciário para moldar essas mesmas leis a toque de caixa, não devemos respeitar também. Só a força da classe trabalhadora poderá intimidar os golpistas e fazer esse tipo de debocha cessar.