Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
jooa
|

Da redação – Elementos da extrema-direita venezuelana que estavam do lado brasileiro da fronteira com a Venezuela atacaram e atearam fogo em um caminhão da Guarda Nacional Bolivariana (GNB).

Segundo a agência russa Sputnik News, os elementos fascistas jogaram paus e pedras contra os agentes da GNB, que reagiram com gás lacrimogêneo.

Os coxinhas venezuelanos, vendo uma parte das cápsulas caíram em território brasileiro, correram para exigir aos militares brasileiros que invadissem o seu próprio país.

O mesmo acontecimento foi relatado pelo jornalista André Vieira, da Telesur. Tendo sido impedidas as duas camionetes de enganosa “ajuda humanitária” de entrar na Venezuela, que protege sua soberania nacional, os opositores atacaram as forças venezuelanas.

Trata-se de ataques da extrema-direita e seus mercenários que procuram forjar um acontecimento que sirva como desculpa para a invasão imperialista contra a Venezuela, mas até agora não conseguiram e, prova disso, foi que expressaram sua indignação com o fracasso.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas