Roubo
Parecer técnico da agência reguladora recomenda reajuste da tarifa de ônibus em Blumenau, propondo 46% de aumento nas passagens
onibus-blumenau-678x381 (1)
Ônibus de linha | Foto: Marcelo Martins/Secom PMB
onibus-blumenau-678x381 (1)
Ônibus de linha | Foto: Marcelo Martins/Secom PMB

Parecer técnico da agência reguladora recomenda  reajuste da tarifa de ônibus em Blumenau, propondo 46% de aumento nas passagens. A Agência Intermunicipal de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos Municipais do Médio Vale Do Itajaí (AGIR) indicou que fosse utilizado um índice de reajuste que elevaria as passagens de R$4,30 para R$ 6,27.

Reajuste inaceitável

A prefeitura Municipal de Blumenau alegou ter sido pega de surpresa pelo Parecer Administrativo nº 105/2021 da AGIR, adiantou que não vai utilizar o índice indicado de 46% na Revisão Tarifária Periódica do Contrato de Concessão nº 042/2017. O ocorrido também foi tema predominante na sessão do 09 de fevereiro da Câmara Municipal de Blumenau, havendo críticas generalizadas ao índice e a convocação da AGIR para prestar explicações no parlamento.

A Revisão Tarifária Periódica do Contrato de Concessão nº 042/2017, ocorre a cada 3 anos, então no índice proposto além do reajuste anual estariam esse reequilíbrio econômico financeiro periódico. Entretanto, o índice apontado não considera uma parcela considerável de benefícios e incentivos recebidos pela empresa BluMob no último período.

A serviço dos patrões

Apenas no período pandêmico, a empresa BluMob recebeu um montante de R$ 10 milhões para amenizar possíveis perdas, por força de uma decisão judicial. Além dos recursos diretos, a BluMob recebeu diversas medidas paliativas para enfrentar a crise, como redução da frota, de horários e linhas.

Mas o suposto parecer técnico da AGIR foi além, e propôs a revisão das necessidades dos cobradores nos veículos e do percentual de gratuidade. A AGIR coloca-se para atacar diretamente a categoria de cobradores e motoristas, mudando a estrutura para demitir cobradores e atacar a juventude propondo o corte da gratuidade dos alunos matriculados em escolas particulares.

Essa é a política da direita de Blumenau, a entrega direta dos recursos públicos aos patrões e o assalto aos bolsos da população. Os capitalistas do transportes públicos não contentes em abocanhar R$ 10 milhões dos cofres públicos, querem assaltar abertamente os bolsos dos trabalhadores.

A política certa para a população

É necessário discutir abertamente com a população a necessidade do passe livre para todos, como forma de garantia do direito básico de ir e vir. É preciso organizar e mobilizar a população, principalmente a juventude, para reivindicar o atendimento desse direito.

A única forma de atendimento dessa necessidade popular e pleno atendimento do direito de ir e vir, é através da estatização dos transportes públicos coletivos. Se as empresas privadas não conseguem atender as necessidades da população, que suas concessões sejam cassadas e que as empresas sejam estatizadas.

Relacionadas
Send this to a friend