Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

No dia 12 de março, dia em que os trabalhadores dos Correios estavam em greve para assistir o ataque do TST (Tribunal Superior do Trabalho) ao plano de saúde da categoria, a direção golpista dos Correios enviou um memorando para os chefes da empresa, anunciando a extinção dos cargos de carteiro e OTT (Operador de Triagem e Transbordo).

A notícia caiu como uma bomba, pois a direção da ECT praticamente estaria jogando gasolina na greve que tinha data para acabar.

Diante da ansiedade da direção golpista de mostrar todas às suas garras contra à ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos), e a revolta que isso causou na categoria, no mesmo dia o memorando foi cancelado e corrigido com a manutenção da indicação de extinção dos OTT´s.

Essa ação precipitada da direção golpista da ECT, de anunciar a extinção do cargo de carteiro, mesmo tendo cancelado o memorando, só comprova com mais elementos, que os golpistas estão a todo vapor desmontando os Correios brasileiros para sua privatização imediata.

Diante do ataque anunciado, é mais que urgente a luta contra esses golpistas, que precisa passar pela formação de comitês de luta contra o golpe, através de uma mobilização geral da classe trabalhadora para derrotar o golpe de Estado no Brasil.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas