Agressão imperialista
Presidente de Cuba denuncia provocação do imperialismo contra o regime nacionalista da Venezuela
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
U.S. Secretary of State Mike Pompeo attends a meeting with Brazil's President Jair Bolsonaro in Brasilia, Brazil January 2, 2019, Marcos Correa/Presidency/Handout via REUTERS ATTENTION EDITORS - THIS IMAGE HAS BEEN SUPPLIED BY A THIRD PARTY.
"Lacaios imperiais" | Foto: Marcos Correa/Presidency/Handout via REUTERS
O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, descreveu hoje a turnê do Secretário de Estado norte-americano, Michael Pompeo, na região, como uma infâmia contra a Venezuela.
‘Um tour com o propósito de unir mentiras e mentirosos, falsidades, calúnias e lacaios imperiais que se agarram para criar caos, instabilidade e até mesmo o clima para uma intervenção militar estrangeira contra a Venezuela’, disse Díaz-Canel em sua conta oficial no Twitter.
A entrada do presidente, que não menciona Pompeo pelo nome, foi marcada como ManosFueraDeVenezuela.
O chefe da diplomacia americana percorreu na semana passada três países limítrofes da Venezuela: Brasil, Guiana e Colômbia, além do Suriname, num esforço para pressionar o governo legítimo de Nicolás Maduro.
Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas