O prefeito de Minneapolis, Jacob Frey, apareceu nos protestos e ao ser perguntado se aceitaria o compromisso de abolir, desfinanciar a Polícia, foi expulso da manifestação.