Crise econômica
Por mais um dia, bolsas europeias operam em baixa. Queda acontece junto ao aumento de mortes por vírus Corona.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
8386237_x720
Crise na saúde aprofunda crise na economia. |

Da redação – Devido ao crescente auto-isolamento de diversos países pelo mundo como medida para o combate ao vírus Corona, as ações europeias amanheceram com minimas referentes a setes anos.

O índice FTSEEurofirst 300.FTEU3 caía 3,82%, 1.107 pontos, já o pan-europeu STOXX 600 .STOXX teve queda de 282 pontos, 3,93%.

As ações em mineração, indústria e viagens e lazer são as que mais estão em queda com a crise.  Esta, mesmo com fortes intervenções, ainda é a maior venda do mercado de ações desde o colapso de 2008.

O resultados da crise são uma recessão global longa e profunda. Em Londres, o Financial Times indicava recuou de 4,15%; CAC-40 em Paris a 2,99% e DAX.GDAX à 3,48% em Frankfurt.

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas