HAMBURGUER_1
SHARE
COMANDO DE GREVE

DF: empresa terceirizada no Banco do Brasil pretende demitir em massa

Tempo de Leitura: < 1

Publicidade

A empresa Brasfort, terceirizada que presta serviço para o Banco do Brasil, pretende demitir dezenas de trabalhadores para adotar contratações por “jornada intermitente”.

Ligada ao deputado distrital golpista, Robério Negreiros(PSDB), a empresa Brasfort, que presta serviços na área de logística do Banco do Brasil, pretende colocar no olho da rua, no primeiro momento, todos os trabalhadores que cobrem férias e licenças de outros funcionários, para daí começar a contratar trabalhadores temporários para prestar o mesmo serviço.

Os “feiristas”, como são chamados, hoje, na sua totalidade, são regidos pela legislação de contrato de 36 horas semanas, da mesma forma que todos os trabalhadores que prestam serviço terceirizados para o banco. O que a empresa do golpista Negreiros quer fazer é transformar esses trabalhadores feiristas em contratos temporários, com prazo determinado contratando apenas pelo período em que efetivamente a empresa precisar deles, ou seja, por alguns dias da semana quando no caso de faltas por adoecimento, por exemplo, ou mesmo em casos de férias de um mês.

Segundo a lei aprovada pelos golpistas “Trabalho temporário é aquele prestado por pessoa física contratada por uma empresa de trabalho temporário que a coloca à disposição de uma empresa tomadora de serviços, para atender à necessidade de substituição transitória de pessoal permanente ou à demanda complementar de serviços”, no texto da lei define que demanda complementar de serviços é aquela “oriunda de fatores imprevisíveis ou, decorrente de fatores previsíveis, tenha natureza intermitente, periódica ou sazonal” (Lei 13.429/17)

É essa a verdadeira consequência das “reformas” dos golpistas para o trabalhador brasileiro, mascarada pelas campanhas da imprensa golpista para melhorar a situação do trabalhador, tal qual estão fazendo em relação à “reforma” da previdência: um ataque brutal aos direitos e conquistas da classe trabalhadora para o favorecimento de meia dúzia de capitalistas sanguessugas.

Populares na Rede
[wpp range="last24h" limit="3"]
NA COTV

Henrik Ibsen e seu teatro revolucionário, com Afonso Teixeira - Universidade Marxista nº 411

33 Visualizações 74 minutos Atrás

Watch Now

Send this to a friend