DF: 200 manifestantes realizam ato contra Ibaneis (MDB) e o corte no Passe Livre Estudantil

ibaneis (1)

Da redação – Nesta quarta-feira (30), cerca de 200 pessoas realizaram uma manifestação na Rodoviária do Plano Piloto, contra a intenção do governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), de restringir o Passe Livre Estudantil contra os que comprovarem ter “real necessidade da gratuidade”. O ato teve início às 17h e terminou por volta das 19h30.

Durante o ato, os manifestantes fecharam a via S1 em duas oportunidades, na altura da Rodoviária e a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) precisou intervir para a liberação da pista.

A maioria desses manifestantes, sendo estudantes, estão lutando por condições básicas de transporte para estudar, porém, o governo golpista está acabando com as universidades públicas e logo a passagem será ataca frontalmente.
“Eu acho que, independentemente da renda, todos (os estudantes) deveriam ter a gratuidade. Essa proposta é uma maneira de retirar o direito do povo. Isso sem contar com a burocracia toda do DFTrans (Transporte Urbano do Distrito Federal ), que dificulta o acesso aos serviços”, conta Victória Regina Rodrigues, 19, estudante de serviço social da Universidade de Brasília (UnB). “Só tem uma linha de lá, que passa pelo meu ponto de ônibus às 7h20. Quando está sem engarrafamento, demora mais ou menos uma hora e meia para chegar à UnB. Quando tem engarrafamento? Aí, nem vale a pena sair de casa”, complementou.