Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

O golpe de Estado segue sua marcha de política de terra arrasada contra a população pobre e trabalhadora. Na cidade de Marechal Deodoro, na região metropolitana de Maceió no esta de Alagoas, hospitais públicos perecem amargando falta dos materiais mais básicos. Agora está faltando até água.

O abastecimento é de responsabilidade do Sistema Autônomo de Água e Esgoto (SAAE). Sucessivas falhas no abastecimento vem prejudicando a população alagoana. Para não faltar água no hospital público, tiveram que lançar mão do subterfúgio de um carro-pipa. Um verdadeiro descaso para com os serviços públicos de setores básicos da população.

Para o serviço de distribuição popular a situação também é calamitosa. A água volta apenas de madrugada, horário mais do que improprio, haja vista a necessidade de acordar cedo para trabalhar. As vezes a força da água volta tão fraca que ela não consegue subir até as caixas de água, fazendo-se necessário o uso de bombas, o que muitos moradores não possuem condições de dispor, em virtude do preço elevado.

Segundo Eline Rocha, moradora da cidade há mais de 20 anos, a situação é: “É desesperador. É um processo que faz muito tempo, mas ultimamente se agravou mais. Desde antes do carnaval para cá, a falta d’água está pior. Chega uma hora e vai embora, fica o dia inteiro sem. Teve carro-pipa abastecendo o hospital porque nem lá tem água” , denuncia.

Esse é um exemplo real do plano dos golpistas para a população: desmonte do serviço público para se chegar a condições de miséria elevada. O golpe de Estado foi desferido para praticar esse tipo de política, retirada de todo investimento público para satisfazer o projeto de lucro a qualquer custo do imperialismo. Contra essa política, que apenas pode ser combatida com o povo nas ruas, a anulação do impeachment e a revogação da condenação e prisão de Lula são aspectos essenciais.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas