Depois de fechar as agências, golpistas dos Correios vão vender produtos em lojas terceirizadas

correios privatizado 2

A direção golpista da ECT publicou em seu boletim interno “Primeira Hora” do dia 02 de janeiro de 2019 que está abrindo licitação para lojas que queiram comercializar os produtos dos Correios.

A publicação da licitação aconteceu no dia 27 de dezembro de 2018, e agora a ECT espera que várias  lojas privadas se inscrevam para se transformar em uma agência terceirizada dos Correios.

É simplesmente a comprovação de que os golpistas estão destruindo as estruturas dos Correios, terceirizando todos os serviços, a fim de precarizar os Correios no Brasil.

No ano passado, os golpistas já haviam anunciado que  iriam fechar mais de 500 agências dos Correios pelo Brasil afora. Agora estão mostrando que o fechamento das agências não tem nada haver com a falta de operacionalidade dessas agências, uma vez que o volume de serviço e venda dos produtos dos Correios só cresce no país, daí a necessidade de vender esses produtos em lojas terceirizadas.

É necessário que os trabalhadores dos Correios lutem pela manuntenção de toda estrutura da ECT, e reivindiquem a ampliação dessa estrutura. Essa luta passa necessariamente pela luta contra o golpe, pelo Fora Bolsonaro e todos os golpistas.

Pela formação nas undiades dos Correios de comitês de luta contra o golpe!