Eleições 2020
Com grande demagogia com a pandemia e controle do aparelho estatal, prefeitos da direita se reelegem em 5 capitais
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
12521288244_0f96a2ded5_k
Alexandre Kalil, prefeito reeleito de Belo Horizonte | Foto: Bruno Cantini

A apuração das eleições deste domingo (15) mostrou que, ao menos, cinco prefeitos de capitais foram reeleitos pelo “baixos números de mortos pelo coronavírus”, foi o que apurou o portal Congresso em Foco.

Foram reeleitos:

Gean Loureiro (DEM), de Florianópolis com 38 mortes/100 mil habitantes;

Alexandre Kalil (PSD), para Belo Horizonte, com 62 mortes/100 mil habitantes;

Cinthia Ribeiro (PSDB), em Palmas, com 65 mortes/100 mil habitantes;

Marquinhos Trad (PSD), em Campo Grande, com 81 mortes/100 mil habitantes;

Rafael Greca (DEM), em Curitiba, com 82 mortes/100 ml habitantes.

Entretanto, é preciso deixar claro que, assim como ocorre em todo o país, os números de contaminados e de mortos pelo coronavírus seguem sendo fortemente subnotificados, fenômeno que existe desde o início da pandemia, o que deixa claro que os direitistas acima são campeões mesmo é de demagogia.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas