Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
1-policiais-11839494-1280x720 (1)
|

Na última terça-feira (02), um grupo de agentes de segurança realizou uma manifestação no Salão Verde da Câmara dos Deputados contra o governo Bolsonaro.

Aos gritos de “Bolsonaro traidor”, os policiais protestavam contra a mudança das regras referentes à categoria dos agentes subordinados à União no texto da reforma da previdência.

Eles também seriam afetados pela reforma, que visa simplesmente exterminar o direito da aposentadoria para os trabalhadores.

De acordo com a imprensa burguesa, após o protesto Bolsonaro voltou atrás e iniciou conversações com deputados para aliviar a mudança das regras para os policiais civis e federais.

Eles são uma parte da base de apoio do bolsonarismo, que votou em Bolsonaro e participou do movimento de extrema-direita. De fato, é justamente dos setores da repressão de onde surgem os principais elementos que constituem a base do fascismo, historicamente.

No entanto, com o total desastre que é o governo Bolsonaro, a sua própria base social vem se desagregando. Isso é perceptível nos coxinhatos, esvaziados, porque, por um lado, a burguesia está dividida e não coloca mais tanto dinheiro em sua promoção, e, por outro lado, a pequena-burguesia também está vendo seus direitos e padrão de vida atingidos pela política de devastação do governo ilegítimo.

O racha absurdo que ocorre na base de Bolsonaro evidencia que ele é um presidente totalmente impopular, ao contrário do que tenta difundir a imprensa capitalista. Até mesmo os antigos eleitores do fascista já começa a reivindicar o Fora Bolsonaro. A esquerda deve organizar essa insatisfação popular e unificá-la em uma proposta clara: Fora Bolsonaro e Eleições Gerais Já, com Lula livre porque sua prisão é ilegal.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas