Siga o DCO nas redes sociais

Delegado da Polícia Federal é indicado para presidir a Funai
Funai_-_Divulgacao
Delegado da Polícia Federal é indicado para presidir a Funai
Funai_-_Divulgacao

O governo golpista de Jair Bolsonaro irá nomear um delegado da Polícia Federal para o cargo de presidente da Fundação Nacional do Índio, a FUNAI. Marcelo Augusto Xavier é o nome mais cotado para substituir o general Franklin Ribeiro de Freitas, exonerado após sofrer pressão da bancada ruralista.

Marcelo Augusto Xavier é um nome que agrada os ruralistas, em especial o fazendeiro, assassino de sem-terras e atual secretário de assuntos fundiários do Ministério da Agricultura, Luiz Antônio Nabhan Garcia. Augusto Xavier chegou a chefiar uma operação da Polícia Federal contra indígenas e lideranças da luta pela terra em 2017, tendo como base a investigação de supostas irregularidades envolvendo a demarcação de terras.

No relatório produzido pelo delegado não constava nenhum nome de fazendeiro ou jagunço responsável pelas mortes de indígenas nas comunidades. Ou seja, o próximo presidente da FUNAI é um aliado dos grandes fazendeiros e ruralistas e atuará para impor, ainda mais, uma verdadeira ditadura contra os índios, quilombolas e demais setores do campo.

O avanço do golpe de Estado visa impor uma ditadura aberta contra todo o povo brasileiro. É preciso que as organizações de esquerda mobilizem o povo pela derrubada do regime golpista de conjunto.