Descaso com os adolescentes
A maioria esmagadora de todos os jovens que cumprem medidas socioeducativas no ES são negros, possuem uma escolaridade 4 anos atrasada e cometeram crimes leves
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Brasília - O último grupo de adolescentes que cumprem medida de internação no antigo Caje, são levados para as novas unidades de internação (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Menores infratores: Marcelo Camargo/Agência Brasil |

A defasagem escolar entre os adolescentes que cumprem medidas socioeducativas no estado do Espírito Santo chega a 3,7 anos, ou seja, os adolescentes que em sua maioria possuem 17 ou 18 anos, em média possuem o ensino fundamental II como nível máximo educacional.

Segundo pesquisa do Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo, a maioria esmagadora desses adolescentes é negra, ocupando o número de 96,14% dos jovens.

A internação, que é uma outra palavra um pouco mais bonita para se referir ao encarceramento de jovens e crianças, é aplicada em 84,1% dos casos. Para demonstrar como a medida é somente uma forma de oprimir a população negra, apenas 18,4% dos crimes são crimes contra a pessoa, sendo a maioria crimes menores, como furtos.

O estado capitalista persegue a população e a deixa na miséria, empurrando os mais jovens, que em sua maioria são privados de Educação, para a marginalidade. Essa é a política dos golpistas para a juventude brasileira, privá-la de oportunidades e respondê-la com repressão.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas