Conspiração lavajatista
Novos diálogos revelam ciência dos golpistas da Lava Jato quanto à fragilidade das investigações e “tesão” de Deltan Dallagnol pela “cabeça do nosso alvo”: o ex-presidente Lula
CURITIBA, PR, 14.09.2016: LULA-DENÚNCIAS - O procurador da República Deltan Dallagnol durante coletiva da Força Tarefa da Operação Lava Jato, do Ministério Público Federal, que denunciou formalmente o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a ex-primeira dama Marisa Letícia, o presidente do Instituto Lula Paulo Okamotto, o empresário Léo Pinheiro da OAS, dois funcionários da empreiteira e outros dois investigados, no Hotel Lizon em Curitiba. (Foto: Paulo Lisboa/Brazil Photo Press/Folhapress)
Obsessão política da Lava Jato com Lula ganha contornos libidinosos | Foto: Reprodução
CURITIBA, PR, 14.09.2016: LULA-DENÚNCIAS - O procurador da República Deltan Dallagnol durante coletiva da Força Tarefa da Operação Lava Jato, do Ministério Público Federal, que denunciou formalmente o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a ex-primeira dama Marisa Letícia, o presidente do Instituto Lula Paulo Okamotto, o empresário Léo Pinheiro da OAS, dois funcionários da empreiteira e outros dois investigados, no Hotel Lizon em Curitiba. (Foto: Paulo Lisboa/Brazil Photo Press/Folhapress)
Obsessão política da Lava Jato com Lula ganha contornos libidinosos | Foto: Reprodução

Novos diálogos divulgados dos operadores da força-tarefa da Lava Jato no Paraná, revelam que um dos líderes da operação, Deltan Dallagnol afirmou sentir “tesão” para colaborar com a redação da denúncia contra o ex-presidente Lula.

“Conte comigo para contribuir com a reflexão sobre a redação, será um tesão escrever isso”, disse Dallagnol em em referência à denúncia do triplex:, em troca de mensagens vazadas, de fevereiro de 2016.

Na mesma sequência de diálogos, de  2016, Dallagnol mostra-se preocupado com a fragilidade das acusações contra Lula: “Estou pensando aqui. É possível que [José Carlos] Bumlai saiba de origens de $ para Lula que não seja da nossa investigação”, disse o chefe da conspiração lavajatista.

Relacionadas
Send this to a friend