Inscreva-se já!
O estudo do stalinismo é fundamental para se compreender o século XX e a configuração do mundo atual. Longe de ser um tema do passado, é um tema do presente
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
2020.12.16-46-Universidade-de-Ferias-p005ukljsipqqj5wc2yao3rqgjmc2epd96vqdcpfs0
Arte de divulgação do curso "O que foi o stalinismo: uma análise marxista" . | DCO - Reprodução.

A 46ª Universidade de Férias do Partido da Causa Operária está prestes a começar! Já são mais de 800 confirmados Quem ainda não se inscreveu, não perca tempo, realize a inscrição pelo site da Universidade Marxista: https://universidademarxista.pco.org.br/

Esta edição da Universidade será a maior da história do Partido.  Os militantes do PCO de todas as células existentes no Brasil e no exterior vão participar, bem como filiados e simpatizantes que atuam no movimento estudantil, nos sindicatos e nos demais partidos de esquerda. O tema do stalinismo chama muita atenção e se verifica uma enorme curiosidade entre o ativismo de esquerda sobre a questão. Em geral, a esquerda se confunde com a questão do stalinismo, por não compreendê-lo adequadamente. Já a direita imperialista se aproveita do stalinismo para realizar sua tradicional propaganda anticomunista.

O stalinismo foi um fenômeno político e social que marcou decisivamente a história do século XX. A política da burocracia stalinista na URSS contribuiu para moldar a geopolítica mundial, desde a derrota das revoluções alemã, chinesa e da greve geral na Inglaterra na década de 1920, continuando com a ascensão do nazismo na década de 1930, passando pela derrota das revoluções na Espanha e França na mesma década, a II Guerra Mundial e a configuração do mundo do pós-guerra, que inaugura o período da Guerra Fria. No pós guerra, surgiram os Estados Operários dominados pela burocracia stalinista no Leste Europeu e a divisão da Alemanha em Alemanha Ocidental (controlada pelos americanos, britânicos e ingleses) e Alemanha Oriental (controlada pela burocracia da URSS).

Esta é uma oportunidade singular para se aprender sobre a história do século XX, cheia de guerras e revoluções, marcado pelas bombas nucleares lançadas contra o Japão e a ameaça permanente de hecatombe nuclear. Contudo, o palestrante Rui Costa Pimenta, presidente nacional do PCO, vai analisar o século XX à luz da análise marxista, baseada na compreensão da luta de classes em nível mundial. Há 40 anos, o companheiro Rui Costa Pimenta se dedica à construção de um partido operário e revolucionário, uma ferramenta para a revolução proletária no Brasil e no mundo. Por isso, suas análises são embasadas não somente pelo domínio da teoria, mas também pela experiência acumulada na atividade prática, na luta política.

O curso acontecerá nos meses de janeiro e fevereiro às terças e quintas no período da noite, ao vivo para todos os que se inscreverem na Universidade Marxista. Nunca houve no Brasil um curso de tamanha envergadura, que tenha a abrangência de um longo período histórico. É importante assinalar que a compreensão do stalinismo é essencial para a luta revolucionária nos dias de hoje; longe de ser um assunto do passado, trata-se de uma questão do presente, candente.

As aulas serão complementadas por um material de estudo que será disponibilizado no site da Universidade Marxista, com textos teóricos inéditos, verbetes e materiais adicionais de pesquisa e estudo. A leitura atenta dos materiais selecionados é um passo importante no aprofundamento da compreensão sobre o tema.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 100,00. Este valor é necessário para o custeio das atividades e também para sustentar o projeto Universidade Marxista, que tem outros cursos à disposição do público (Fascismo: O que é e Como Combatê-lo e A Revolução Chinesa). Como explicavam os bolcheviques, sem dinheiro é impossível fazer revolução. Um partido operário depende da contribuição dos trabalhadores, militantes, filiados e simpatizantes para poder se organizar e intervir na luta de classes.

Nestes tempos de confusão e retrocesso ideológico, a formação política e o estudo da teoria marxista são mais urgentes do que nunca. A finalidade do curso é armar com a teoria revolucionária os combatentes e ativistas da atualidade. Conforme ensinou Lênin, “não há movimento revolucionário sem teoria revolucionária”.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DO CURSO SOBRE O STALINISMO

Veja abaixo a programação da 46° Universidade de Férias do PCO, “O que foi o Stalinismo, uma análise marxista”:

1° Parte – 1924 – 1933

  1. Introdução – Stalin até a tomada do poder
  2. Burocracia, a URSS
  3. A primeira etapa

3.1 – na URSS

3.2 – na III Internacional

  1. A luta interna

4.1 – Revolução permanente

4.2 – Industrialização

4.3 – Socialismo em um só país

  1. A revolução chinesa
  2. A segunda etapa
  3. Processos de Moscou
  4. A coletivização forçada
  5. O terceiro período

2° Parte – 1934 – 1948

  1. As frentes populares

1.1 – França

1.2 – Espanha

  1. Pacto com Hitler e a invasão da URSS
  2. A guerra e a derrota do nazismo

3.1 – o expurgo no exército

  1. O pacto contrarrevolucionário com o imperialismo

4.1 – Itália, França e Grécia

4.2 – Ialta

4.3 – A democracia

4.4 – O leste europeu

4.5 – A divisão da Alemanha

  1. Plano Marshall e leste europeu

3° Parte – 1948- 1991

  1. Terror no Leste: os processos de praga
  2. A revolução chinesa e a revolução mundial

2.1 – As revoluções stalinistas

  1. A guerra fria, a coexistência pacífica
  2. Morte de Stalin, Krushov
  3. Crise no Leste (53-56)
  4. Brezhnev
  5. 1968
  6. Crise mundial, Afeganistão, começo do fim
  7. Polônia, Gorbachov e a restauração
  8. Colapso da URRS
  9. Stalinismo e a cultura

Duvidas entre em contato pelos endereços da Secretaria de Organização do PCO pelo telefone +55 (11) 9.9741-0436 ou pelo e-mail [email protected]

 

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas