Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Revista Militar .Plaza de La revolución . Cuba .   2 de Enero 2017.    Foto José Raúl Rodríguez  Robleda
|

Havana, Rádio Havana Cuba (RHC) – Os cubanos comemoram em primeiro de janeiro o aniversário 60 da vitória da Revolução. O ato central será no cemitério Santa Ifigenia, em Santiago de Cuba, nos arredores da rocha onde estão as cinzas do líder histórico Fidel Castro, do Mausoléu do Herói Nacional José Martí e dos monumentos a Carlos Manuel de Céspedes, Pai da Pátria, e de Mariana Grajales, considerada a Mãe da Pátria.

Dessa maneira, o povo prestará tributo aos fundadores da nação. Ao dar a informação através da televisão, o primeiro secretário do Partido Comunista na província, Lázaro Expósito, ressaltou o significado patriótico desses âmbitos sagrados da história nacional. Até agora, era tradição realizar o ato em frente a sede da outrora Prefeitura da cidade, desde cuja sacada foi anunciada a vitória da Revolução em primeiro de janeiro de 1959.

Por sua vez, o Instituto Cubano da Música anunciou uma série de atividades para comemorar a data e o fim do ano. A jornada foi intitulada “Cuba Vai” e abrange shows ao vivo, eventos teóricos, iniciativas para as crianças e outras ações. O centro das celebrações será Havana, a capital, que em novembro 2019 vai comemorar os 500 anos de sua fundação.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas