Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
cuba
|

O governo cubano reafirmou o apoio à Guatemala com ajuda médica para os atingidos pelo furacão Fuge.

Após o furacão Mitch, que atingiu a Guatemala em 1998, a Brigada Médica Cubana enviou um grupo de profissionais da saúde para atender a população local, totalizando 245 médicos, 133 enfermeiros e 39 socorristas. A iniciativa a criação da Brigada Henry Reeve partiu em 2005, pela iniciativa de Fidel Castro e, nessa semana, os representantes locais firmaram acordo para mantimento do programa.

Os 400 profissionais, que se encontram em 16 das 22 províncias locais, segundo pontua o embaixador Carlos de Céspedes Piedra, encontram-se a disposição para atender os chamados oriundos das autoridades da Guatemala. O comunicado foi dado neste domingo, 10, a Prensa Latina. A equipe disposta já possui experiência em casos de desastres, já tendo atuado, em média, em pelo menos duas, ou três, situações de calamidade.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas