Alemanha cria ajuda financeira
Por conta do COVID-19 a capital da Alemanha dá suporte financeiro para artistas e trabalhadores independentes
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
berlin_III (1)
Foto: Nicolas Vigier, Berlin |

A Alemanha criou um programa de ajuda econômica para responder aos problemas causados pela epidemia do Covid-19 no país. Para os próximos três meses, foi criado um fundo público destinado a ajudar exclusivamente artistas e profissionais independentes. Os valores dos depósitos chegam a cerca de R$ 17.345,00, para ajudar essas categorias.

Artistas e outros trabalhadores independentes do setor, diante de uma perda de sua renda por parte do Covid-19, já estavam em desespero. Por isso, o governo alemão criou uma ajuda não reembolsável para essas categorias, com o objetivo de responder rapidamente às suas necessidades, para permitir que eles pudessem sobreviver por algumas semanas.

Quando as pessoas conseguiram se inscrever no programa, em 24 horas o dinheiro caiu nas contas. Foram 150.000 pedidos atendidos e 1,3 bilhões de euros pagos a artistas e outros trabalhadores do ramo cultural, por outro lado, tiveram que esperar pacientemente para poderem respirar. Apesar da administração local da capital alemã ter o costume de demorar para executar procedimentos básicos, como  canteiros de obras que começam e não param, como o novo aeroporto há anos em construção, motivos de rejeição pela maioria da população de Berlim. Apesar desses casos, o governo reagiu rapidamente para dar um alívio para essas categorias pois é a própria atratividade do país que está em jogo.

Já qui no Brasil, o descaso com a categoria dos artistas e trabalhadores independentes chega a ser pior, fazendo com que tanto os artistas, como qualquer outros trabalhadores que estejam desempregados ou não estejam conseguindo realizar seu trabalho por conta do COVID-19, estão condenados a morrer de coronavírus ou de fome e miséria.

O governo fascista que assola o país está promovendo um verdadeiro genocídio das massas, não excluindo os artistas, categoria menosprezada pela burguesia, que apoia de forma superficial a arte para poder controlá-la. A classe artística, por sua vez, é cada vez mais esmagada pela burguesia, que oprime os artistas e causa censura.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas