Crise do regime golpista: dólar perto dos R$ 4,00

BRAZIL-ECONOMY-REAL-DOLLAR

Segundo a imprensa burguesa, após a publicação de nova pesquisa eleitoral do CNT/MDA com Lula disparado na frente, com 37,3% das intenções de voto e o candidato que até agora parece ser o escolhido dos donos do golpe, Geraldo Alckmin, com apenas 4,9%, o dólar voltou a subir.

A moeda operou perto dos R$ 3,95 na tarde dessa segunda-feira, dia 20. A imprensa golpista admite que o péssimo desempenho de Alckmin é fator de instabilidade e gera “insegurança” no “mercado”, que é como a burguesia chama os grandes capitalistas imperialistas que apostam na aplicação do programa do golpe de devastação do País.

A instabilidade econômica e política é cada vez mais profunda, o que coloca em xeque a própria existência do regime golpista. Por isso a necessidade de deixar Lula de fora das eleições. Mesmo assim os golpistas não conseguem emplacar uma candidatura.