Crise do imperialismo: União Europeia sabota sanções econômicas de Trump contra o Irã

Donald Trump announces his decision on US sanctions relief that underpins the nuclear deal with Iran

Cada vez mais a crise do imperialismo se aprofunda. Isto é, com o decorrer do tempo, as contradições dentro do próprio imperialismo se acentuam, gerando conflitos dentro dos principais estados que controlam a política mundial.

Isso fica explícito com os conflitos gerados à partir da política de Trump de impor sanções ao Irã, desrespeitando até o próprio acordo feito pelo imperialismo que desfavorece o desenvolvimento do Irã, tamanho o direitismo da política de Trump.

Setores do imperialismo europeu estão furando o bloqueio norte-americano e se posicionando contra Trump.

Fica claro que cada vez mais a ala mais fraca do imperialismo, representada por Donald Trump, está entrando em um profundo conflito com o setor dominante, o que está culminando nos duros ataques da imprensa contra o presidente norte-americano, em defesa do impedimento (impeachment) de seu governo.