Cracolândia dos EUA: 4 mil moradores de rua na “Calçada da Fama” em Hollywood

cracolandia

Da redação – Pelo menos 4 mil pessoas dividem as ruas a menos de meia hora de carro das mansões de Hollywood (Distrito de Los Angeles, Califórnia) e a metade delas, estimam ONGs da região, usam drogas pesadas todos os dias. A principal delas, o crack, é  usada por essas pessoas em situação de rua até mesmo na famosa Calçada da Fama, a Skid Row, reunindo a maior concentração de pessoas em situação de rua dos Estados Unidos, como uma verdadeira Cracolândia de São Paulo para efeito de comparação.

Os números crescentes de moradores de rua de Los Angeles, como em Nova York, jogados na situação das drogas, sem emprego, sem moradia, sem saúde e educação, deixa evidente alguns fatos sobre a “terra da liberdade e lar dos bravos”: primeiramente, na realidade este é o país da desigualdade, da miséria, do racismo, da luta de classes mais voraz, onde a burguesia esmaga a classe trabalhadora, onde você morrerá nas ruas caso não tenha dinheiro para um caro plano de saúde; e, segundo, que a Guerra às Drogas dos EUA falhou completamente.

Vale ressaltar um fato histórico também, encontrado no documentário “Os Panteras Negras: Vanguarda da Revolução”, que a CIA, o governo dos EUA, desenvolveu drogas novas, produzindo o crack para infiltrar nas periferias e destruir por dentro o movimento revolucionário dos negros enquanto o atacava violentamente por fora.