Menu da Rede

Dia 18, voltar às ruas por Fora Bolsonaro e todos os golpistas

A favor da vida?

CPI da Covid é um instrumento de campanha eleitoral

Nem Bolsonaro nem a direita golpista estão interessados em salvar a vida da população, apenas em vencer as eleições

Jair Bolsonaro, presidente ilegítimo – Foto: Alan Santos/PR

Redação do DCO

Vasco Neto

Foi instalada na última terça-feira (27) a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o combate – ou melhor, a aliança – do governo federal à pandemia do coronavírus, chamada de CPI da Covid.

Os integrantes dessa CPI – festejada tanto pela direita golpista como pela esquerda – dizem ser ela um novo baluarte em defesa da vida, da ciência, da civilização, da humanidade, contra o negacionismo e o obscurantismo.

Mas tudo não passa de um circo montado para fazer demagogia eleitoral. Isso precisa ser plenamente entendido. Não está em jogo o salvamento de vidas e o bem-estar da população, mas sim os votos nas eleições de 2022.

Velhos bandoleiros da política nacional como o relator Renan Calheiros e o presidente da CPI, Omar Aziz, não são representantes do povo, mas atendem aos interesses da mesma oligarquia e burguesia que deram o golpe em 2016.

Se os parlamentares quisessem realmente melhorar a situação material do povo, já teriam aplicado medidas para tal. Poderiam ter aprovado leis que garantissem a compra em massa de vacinas, a quebra das patentes ou um auxílio emergencial de um salário mínimo, por exemplo.

Não existe uma relação entre essa CPI e a defesa da vida da população. Serão 90 dias de atividades e durante esse tempo todo verá o País chegar a 400 mil e depois a 500 mil mortos, como disse o próprio senador Aziz.

A CPI é dominada pelo “centrão”, isto é, a direita tradicional que organizou o golpe de 2016, a prisão de Lula e a eleição fraudulenta de Bolsonaro. Trata-se, portanto, de um instrumento forjado por ela em sua luta para derrotar o presidente fascista nas eleições do ano que vem e implantar no Palácio do Planalto alguém de seu campo político.

Existem precedentes para essa campanha que está sendo preparada pela principal ala da burguesia. Quando do julgamento do Mensalão, a direita já havia apostado todas as suas fichas em atacar o PT através tanto das manobras do Judiciário quanto da propaganda em torno delas por parte da imprensa capitalista.

Tentam-se minar a base eleitoral e reduzir o apoio que seus adversários recebem de um setor da população. A Comissão, portanto, é uma arma eleitoral da direita golpista, não uma tentativa de investigar e punir os responsáveis pelo genocídio de 400 mil brasileiros.

Até porque essa mesma direita que comanda a CPI é, ela mesma, responsável junto com Bolsonaro pela situação de desastre que o País vive. A esquerda, ao invés de apoiar acriticamente essa CPI, deveria – já que dela participa – utilizá-la para denunciar e desmascarar toda a direita de conjunto.

É preciso entender que a CPI é uma arma da burguesia e que a esquerda, endossando integralmente as manobras que virão, estará fortalecendo a direita golpista e sua campanha eleitoral antecipada. Dando certo os planos da burguesia, de ganhar força eleitoral ao mesmo tempo que mina as forças de Bolsonaro, a esquerda estaria, portanto, corroborando a manobra eleitoral da direita, que seria sua principal inimiga nas eleições.

Participando da CPI, a esquerda deveria utilizá-la a seu favor, explicando à população que essa comissão, em si, não é uma solução para o desastre da pandemia e procurando desmascarar não só Bolsonaro mas também seus ditos “opositores” da direita.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.