Pandemia do coronavírus
Alto número demonstra a incapacidade do sistema capitalista de cuidar de todas as pessoas e impedir o alastramento de uma doença. Pelo menos 328.172 pessoas morreram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
coronavírus sp
Coronavírus em SP |

Da redação – O capitalismo é um sistema falido e em decadência que não dá conta de lidar com nenhuma doença, nem de proteger a população dela. Esse sistema que nunca conseguiu erradicar de vez doenças como a dengue, o sarampo, a malária, a febre amarela, tuberculose, lepra e tantas outras, é o sistema que permitiu com que o coronavírus se alastrasse por todo o planeta e atingisse hoje, pelo menos, 5 milhões de pessoas e matasse 328.172.

É claro que, assim como no Brasil, a maioria dos países do mundo não testaram sua população em massa, ou por não querer gastar, ou por não ter a capacidade de os produzir. Os países buscaram também esconder os dados conhecidos da população, para que ela aguentasse mais tempo sem se rebelar de vez. Sendo assim, o número de 5 milhões de infectados e o de 328.172, são apenas uma parte da realidade, uma parte bem pequena.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas