Lutar: Sair da paralisia!
Impulsionando a política de mobilização contra o governo fascista brasileiro e seus ataques à classe trabalhadora brasileira iniciam campanha na defesa dos trabalhadores e do país
cartazes pelo fora bolsonaro
Militantes forraram a praça da Sé e arredores com os cartazes contra as privatizações e o desemprego | DCO
cartazes pelo fora bolsonaro
Militantes forraram a praça da Sé e arredores com os cartazes contra as privatizações e o desemprego | DCO

Enquanto a esquerda brasileira, pela segunda vez se esconde embaixo dos sofás, defende o Fica Bolsonaro, se alia com golpistas que derrubaram Dilma e prenderam Lula, impedindo-o de derrotar Bolsonaro, a militância do PCO em todo o país está saindo as ruas em grande campanha para impulsionar a mobilização e esclarecer a classe trabalhadora da necessidade da luta contra o golpismo e pelo Fora Bolsonaro que impõe o maior desemprego da história brasileira, com o aprofundamento dos ataques aos direitos dos trabalhadores e a retomada das privatizações de FHC, agora no governo do fascista Jair Bolsonaro.

Para isso a Corrente Sindical Nacional Causa Operária saiu as ruas de várias partes do Brasil esta semana para realizar dezenas de colagens, com milhares de cartazes e a distribuição de milhares de panfletos. E como ponto de partida em São Paulo, a militância paulista escolheu a região de um dos cartões postais da cidade, a praça da Sé, zona central do município de São Paulo e região histórica da capital. Mas a escolha da região para o início da campanha na capital paulista se deu pelo grande contigente de trabalhadores que todos os dias passam pelo Marco Zero da cidade e por ser território de grandes manifestações da classe trabalhadora como foi o movimento das Diretas Já, contra a ditadura militar e que reivindicava eleições presidenciais diretas no País entre os anos de 1983 e 1984.

A colagem realizada na Praça da Sé, Praça João Mendes contou com a presença de vários militantes, simpatizantes e outros companheiros que atenderam ao chamado da Corrente Sindical Nacional Causa Operária de sair da paralisia e lutar contra o governo, o golpismo e todos os seus ataques.

No momento em que a esquerda aprofunda o namoro com os “defensores” da democracia, ficam em casa, afinal, as eleições já acabaram e dizem para o povo que a saída é se aliar com aqueles que são os principais responsáveis pela destruição do pouco ou quase nada de democracia que existia no Brasil, que dizem para o povo que se aliar com a direita civilizada, a mesma que derrubou Dilma e encarcerou Lula por mais de 500 dias, que tem em Baleia Rossi o mesmo que defendeu abertamente o impeachment de Dilma e um dos deputados que mais votaram juntamente com o governo Bolsonaro e já deu declarações públicas e em entrevistas que o impeachment de Jair Bolsonaro está descartado; a militância do PCO diz: A única maneira de derrotar o fascismo e a ditadura da direita é a mobilização dos trabalhadores e da população pobre. Se aliar com a direita “civilizada” através da frente ampla é o caminho para a derrota e a ascensão do fascismo. Para a nossa vitória a mobilização nas ruas é ponto fundamental.

Relacionadas
Send this to a friend