Correios querem que trabalhador compense as horas do jogo do Brasil

carteiro enfiando carta

Para provar que os golpistas que assumiram o governo federal e as estatais do país, como a ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) são contra o Brasil e contra os brasileiros, a direção golpista dos Correios não está dispensando os trabalhadores  da empresa para assistir os jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia.

O funcionários dos Correios que quiserem assistir os jogos da seleção de seu país, terá que compensar as horas de trabalho em que ficar na frente da televisão torcendo para nossa seleção, em uma outra data.

Essa data será determinada pela empresa, que está criando uma espécie de Banco de Horas, que está acumulando divida do trabalhador com os golpistas da ECT.

Como os golpistas da ECT não conseguem impedir que os trabalhadores parem na hora do jogo, eles estão querendo de todas as formas punir o brasileiro que tem o sentimento nacionalista de apoio a seleção brasileira.

Esse exigência de fazer banco de horas com os jogos da seleção é uma inovação dos golpistas da ECT, em todas as Copas do Mundo, nunca o trabalhador precisou fazer compensação pelo fato de torcer para o Brasil, é a demonstração de que o governo golpista não quer a vitória da seleção brasileira.

Estão buscando evitar que os trabalhadores tenham na seleção e no futebol brasileiro, um orgulho nacional, o que pode futuramente dificultar os planos dos golpistas de entregar o patrimônio nacional para o imperialismo mundial, como é a privatização dos Correios.