Contra sabotagem do imperialismo, China oferece ajuda para restabelecer eletricidade na Venezuela

2019-03-12t000243z_203277423_rc18c4ae7290_rtrmadp_3_venezuela-politics

Da redação – A China, nesta quarta-feira (13), ofereceu ajuda para restabelecer completamente a eletricidade na Venezuela, que passa neste momento, como resultado de sabotagem criminosa, pelo maior “apagão”, de sua história.

Segundo Lu Kang, porta-voz da chancelaria chinesa, “ A China quer oferecer sua assistência e seu pólo técnico a Venezuela para restaurar o sistema elétrico”.

O blecaute que atingiu e ainda atinge a Venezuela, desde a última quinta-feira (07), como denunciado pelas autoridades nacionais, é produto da sabotagem criminosa do imperialismo norte-americano, para debilitar o governo.

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro denunciou Washington por realizar ataques cibernéticos e eletromagnéticos contra a principal hidrelétrica do país, que abastece 80% da população, a hidrelétrica de El Guri.

A maior parte da energia em Caracas, capital, já foi restabelecida, há, porém Estas parcialmente sem eletricidade. A ajuda da China, assim como da Rússia, é de todos os países que reconhecem o governo legítimo de Nicolás Maduro, a debilidade do imperialismo mundial e em particular Norte-americano, que não consegue estabelecer  Uma dominação política mundial que lhes permitam derrubar o governo Maduro, ao contrário veem-se contestados por importantes países atrasados, os que não são capazes de dominar completamente. Fato que demonstra que imperioso da dominação imperialista mundial caminha para o fim.