Siga o DCO nas redes sociais

Futebol
Contra racismo, jogador comemora gol “homenageando” Mussolini
Olivier Ntcham havia sofrido vários ataques racistas durante partida contra a Lazio.
image
Futebol
Contra racismo, jogador comemora gol “homenageando” Mussolini
Olivier Ntcham havia sofrido vários ataques racistas durante partida contra a Lazio.
Olivier Ntcham, imitando Mussolini. Foto: reprodução.
image
Olivier Ntcham, imitando Mussolini. Foto: reprodução.

No último dia 7, o Celtic, time grego, visitou a Lazio em uma partida válida da Liga Europa 2019/2020. O jogo teve resultado favorável para os gregos, que venceram de virada por 2 a 1, o que virou um detalhe diante da comemoração do segundo gol.

Após marcar o segundo gol do Celtics, o meio-campista francês Olivier Ntcham, que foi alvo de ataques racistas ao longo da partida pela torcida do Lazio, celebrou o gol fazendo um gesto de pedido de silêncio à torcida adversária; logo após, o francês plantou uma bananeira em clara alusão à morte de Mussolini, capturado por resistentes italianos, fuzilado e exposto em praça pública.

A Lazio tem, tradicionalmente, alas fascistas dentro de sua torcida, sendo este o caso mais um de racismo: um outro exemplo destas demonstrações foram os coros racistas contra o zagueiro brasileiro Juan, à época, jogador da própria Lazio, em 2012, durante partida em que o time havia vencido. A torcida também entoava gritos contra o brasileiro Hernanes.

Diante do avanço da extrema-direita no mundo, os elementos fascistas sentem-se mais à vontade para destilar todo o ódio ao povo negro, trabalhador, mulheres etc. Neste sentido, é preciso responder à altura todas as provocações e agressões fascistas.