Contra Bolsonaro, CCJ do Senado vota parecer para suspender decreto de armas do Governo Federal
edit_mcmgo_abr_05061916593
Contra Bolsonaro, CCJ do Senado vota parecer para suspender decreto de armas do Governo Federal
edit_mcmgo_abr_05061916593

Da redação – A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) está votando neste dia (12) um parecer favorável à suspensão de decreto de Jair Bolsonaro que modificou regras sobre porte de armas e munições.

Os próprios bolsonaristas afirmam que o clima no Senado é negativo, revelando que Bolsonaro pode estar perdendo mais uma vez no legislativo.

Mesmo com a definição da CCJ, o decreto ainda terá de passar pelo plenário do Senado.

Os grupos do “centrão”, que estão em uma briga contra os bolsonaristas – como ficou revelado pelo vazamento de informações contra a operação Lava Jato – já haviam se posicionado contra o decreto, assinado no início de Maio.

A Rede, de Marina Silva, fez o pedido para o Supremo Tribunal Federal para anular o decreto. O Ministério Público também se posicionou contra, pedindo à Justiça Federal para anular o decreto de bolsonaro.

Agora, parece ser o legislativo que irá impor uma derrota ao governo.

Trata-se de mais uma expressão intensa da crise política do regime golpista. Setores da burguesia nacional estão abertamente se colocando contra o governo, impedindo-o de realizar qualquer tipo de medida.