Congresso da UNE: todos contra os golpistas!

congresso-une b

Na próxima quarta-feira (10), começa em Brasília o 57º Congresso Nacional da União Nacional dos Estudantes (CONUNE), o maior encontro da juventude organizada no país.

A direção da entidade estima que mais de 10 mil estudantes universitários de todos os Estados participarão do fórum até o domingo (14), quando irão eleger a nova presidência da UNE e definir os rumos da entidade no próximo biênio.

Será realizado na Universidade de Brasília (UnB) e no Ginásio Nilson Nelson, tendo inúmeras atividades, como debates, grupos de discussão, atos políticos e uma grande passeata. Mais de 60 convidados participarão do encontro, entre congressistas, artistas, ativistas sociais, escritores, intelectuais e representantes da academia.

Na programação estão 24 debates na quinta (11); 12 grupos de discussão na sexta (12); dois atos políticos: em defesa da universidade pública e em homenagem aos 40 anos do Congresso de Reconstrução da UNE; uma passeata na sexta (11) na Esplanada dos Ministérios; atividades culturais e a plenária final na tarde de sábado no Ginásio Nilson Nelson que finaliza o encontro com a eleição da nova presidência.

Na pauta temas que refletem a preocupação dos estudantes com o futuro da educação em todos os níveis escolares, a instabilidade entre os poderes da república e o futuro do governo Bolsonaro até o cuidado com o meio ambiente, a cultura, a democracia e a segurança pública.

“Diante esse cenário de ameaça e corte na nossa educação os estudantes brasileiros estão muito mobilizados. Por isso estamos nos preparando porque este pode ser um dos maiores Conunes da história da UNE em participação estudantil”, destacou a presidenta da UNE, Marianna Dias.

Apesar do tema confuso “Na sala de aula é que se muda uma nação”, que reflete a moderação da direção da entidade, ao reunir milhares de estudantes incluindo os setores mais avançados do movimento estudantil brasileiro, o evento tem todas as condições para se tornar o congresso pelo Fora Bolsonaro e todos os golpistas. É neste sentido que a o PCO, por meio da AJR (Aliança da Juventude Revolucionária) irá atuar.

Veja a programação divulgada no site da entidade:

10 (quarta-feira) julho 2019

19h às 21h – Abertura do 57º Congresso da União Nacional dos Estudantes-UNE e lançamento da campanha “Mais livros e menos armas”.

Local: Universidade de Brasília-UnB.

 

21h às 23h – Festival da Democracia – Mestre Moa.

Atividade: Sarau da Democracia.

Local: Universidade de Brasília-UnB.

11 (quinta-feira) julho 2019

 10h às 13h – Debates.


Tema 1:  A marcha conservadora contra o conhecimento acadêmico, a ciência, tecnologia e as ameaças à autonomia universitária.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 2: 80 tiros não dá mais: O modelo de segurança pública, o pacote de Sérgio Moro e a violência policial contra o povo periférico do Brasil.
Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 3: Jovens mulheres na política: A ocupação de espaços e a formação de novas lideranças.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 4: Ensino privado: O financiamento estudantil como forma de acesso ao ensino superior.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 5: Os estudantes e a educação em tempos de resistência: o movimento estudantil na ditadura militar (1964/1985) e a luta contra o autoritarismo de Bolsonaro.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 6: Guerras híbridas, law fare e as novas ameaças à democracia.
Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 7: As consequências da destruição da Lei Rouanet e das políticas públicas de financiamento da cultura.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 8: Os retrocessos do MEC de Bolsonaro na democratização do acesso e nas políticas de permanência e assistência estudantil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 9: O Plano Nacional de Educação-PNE, a sangria do financiamento educacional e a nova etapa da luta de estudantes e professores no Congresso Nacional.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 10:  Da afirmação das identidades raciais ao genocídio da juventude negra.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 11: A instabilidade entre os poderes da república e o futuro do governo Bolsonaro.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 12: O papel da extensão na consolidação do vínculo entre sociedade e universidade.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

15h às 18h – Debates.

 

Tema 13: Emprego e Reforma da Previdência: Os ataques a Previdência Pública e o Sistema de Proteção Social no Brasil. (o movimento tem usado a palavra “Aposentadoria”)

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 14: O projeto do MEC e o menosprezo à universidade pública brasileira.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 15: Os limites do ensino a distância e o movimento pela escolarização em casa no Brasil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 16: As ocupações urbanas e a organização popular na resistência das grandes cidades.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 17: A nova geopolítica global: O papel dos Estados Unidos e os ataques a América Latina.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 18: A diversidade sexual diante dos desafios da democracia, da cultura, da escola e da universidade brasileira.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 19: O ensino médio sob censura e a perseguição autorizada a estudantes e professores do Brasil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 20: O Brasil a preço de banana: entreguismo e destruição da soberania nacional.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 21: A verdade como direito básico e o combate às notícias falsas nas redes sociais.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 22: A realidade da educação no campo e da interiorização do ensino brasileiro.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.          

 

Tema 23: Formação profissional da juventude e as transformações no mundo do trabalho.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.


Tema 24:
A lama, o lucro e a morte no noticiário ambiental do Brasil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

                                   

18h às 20h – Ato político em defesa da universidade pública e homenagem ao patrono da educação, Paulo Freire e aos fundadores da UnB, Joõa Goulart, Anísio Teixeira, Darcy Ribeiro e Oscar Niemayer.

Local: Universidade de Brasília-UnB.

 

22h às 0h – Festival da Democracia – Professor Cancellier.

Local: Ginásio Nilson Nelson.

 12 (sexta-feira) julho 2019

10h às 13h – Passeata – Não matem nosso futuro: educação, emprego e aposentadoria.

Local: Esplanada dos Ministérios.

 

15h às 17h – Grupos de discussão-GDs e Espaços Autogestionados

Tema 1: Reunião do Circuito Universitário de Cultura e Arte da União Nacional dos Estudantes-CUCA da UNE.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 2: Encontro de empresas juniores.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 3: Encontro de atléticas.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 4: Encontro de grupos de extensão.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 5: Plenária da Campanha Lula Livre.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 6: Educação pública.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 7: Educação pública.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 8: Educação privada.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 9: Educação privada.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 10: Movimento estudantil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 11: Movimento estudantil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

Tema 12: Movimento estudantil.

Local: Auditório do Instituto Central de Ciências-ICC da Universidade de Brasília-UnB.

 

21h às 23h – Festival da Democracia – Lula Livre.

Local: Ginásio Nilson Nelson.

 

13 (sábado) julho 2019

10h às 12h – Ato político em homenagem aos 40 anos do Congresso de Reconstrução da UNE – Salvador 1979.

Local: Ginásio Nilson Nelson.

12h às 18h – Plenária final (votação de conjuntura, educação e movimento estudantil)

Local: Ginásio Nilson Nelson.

 

21h às 23h – Festival da Democracia – Marielle

Local: Ginásio Nilson Nelson.

 

21h às 23h – Festival da Democracia – Marielle

Local: Ginásio Nilson Nelson.

14 (domingo) julho 2019

10h às 18h – Plenária final (eleição da nova diretoria).

Local: Ginásio Nilson Nelson.