Concessionária do metrô de SP diz que doou 44 milhões via caixa dois a Alckmin, Serra e Kassab

naom_572cd1e75ce93

Da redação – A empresa CCR, concessionária no setor de transportes, vai fechar hoje um acordo com o Ministério Público de São Paulo na qual diz ter feito doação de R$ 44,6 milhões via caixa dois a políticos do estado.

Segundo o jornal golpista Folha de S. Paulo, os citados pela empresa seriam o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB), o senador José Serra (PSDB) e o ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD).