Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
|

Neoliberais de toda espécie fazem sempre uma cantilena em defesa do capitalismo e dos benefícios que esse sistema teria, apesar de toda a realidade de opressão, massacre, fome e pobreza.

No Brasil, em um local repleto de liberais, com mais de 50 organizações nacionais e internacionais, uma moça foi demitida às vésperas do parto. O caso aconteceu na Rua Virgílio de Carvalho Pinto, no bairro de Pinheiros, São Paulo, sede da coworking de mais de 50 empresas.

“Gostamos de gente. E nos inspiramos no poder daquelas que são responsáveis, engajadas, que sonham e trabalham por um mundo melhor”, diz um dos objetivos da coworking.

Uma das funcionárias, Raiane dos Santos, de 26 anos, foi dispensada às vésperas de seu parto, e para fazer isso, o patrões contrataram Raiane como se fosse micro empreendedora individual, dotada de Pessoa Jurídica, ou seja, sem nenhum direito trabalhista.

Essa que é a realidade do capitalismo. A realidade da demissão, da contratação sem direito algum, que é o sonho dos patrões golpistas, com o fim da CLT. Essa é a realidade sonegada pelos neoliberais.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas