Menu da Rede

São Paulo: vermelho marcou presença em ato por “Fora Bolsonaro”

Eleições 2022

Como em 2018, Lula tem 40% dos votos e vence Bolsonaro

Segundo pesquisa da Ideia, Lula aparece na frente nas eleições e é o único candidato capaz de derrotar Bolsonaro

Lula – Foto: reprodução

Publicidade

Assim como antes das eleições de 2018, quando Lula se encontrava na frente das intenções de votos para presidente do Brasil, uma pesquisa do instituto Ideia, encomendada pela revista Exame, aponta que o ex-presidente petista se encontra como favorito nas eleições presidenciais de 2022.

Lula se encontra com 40% das intenções dos votos no segundo turno, enquanto o atual presidente, Jair Bolsonaro, ficaria pouco atrás, com 38% das intenções. Lula também venceria o primeiro turno, com 33% dos votos, enquanto Bolsonaro ficaria em segundo lugar.

Os demais nomes citados pela revista não passaram dos 10% dos votos no primeiro turno, sendo eles Ciro Gomes (9%), Luciano Huck (6%), João Doria (4%), Amôedo (3%), Mandetta (3%) e Danilo Gentili (2%).

Em um eventual segundo turno, o único candidato com potencial para vencer Bolsonaro, seria Lula. Ciro Gomes perderia de Bolsonaro por de 44% a 34%, João Doria perderia por 44% a 26% e Luciano Huck por 40% a 38%, segundo os números claramente manipulados pela pesquisa – até parece que Huck teria 38% de votos!

Os locais em que Lula venceria no país seriam o Nordeste (44% dos votos contra 30% de Bolsonaro) e no Sudeste, em que o petista venceria por 44% contra 32%.

No entanto, é preciso sempre levar em consideração que a votação não demonstra que Lula vencerá as eleições com facilidade. Tudo indica que as próximas eleições serão muito polarizadas e a burguesia, na iminência de não conseguir criar uma alternativa a Lula e a Bolsonaro, investirá todas as suas forças na candidatura de Bolsonaro.

Fora isso, há ainda a possibilidade de que a burguesia tente repetir o que foi feito em 2018 e arranje uma forma de impedir que Lula possa ser o candidato nas próximas eleições.

Naquela época, Lula poderia até mesmo vencer as eleições no primeiro turno, segundo pesquisas da época. Além disso, havia pesquisas encomendadas que não puderam ser publicadas por conta da impossibilidade da candidatura de Lula, imposta pela burguesia.

Mesmo após o PT aceitar não manter a candidatura de Lula por conta da perseguição estatal, investindo a candidatura de Fernando Haddad, a justiça impediu que Lula aparecesse na campanha eleitoral, incluindo invasões da Polícia federal a diretórios do PT para confiscar materiais de campanha em que Lula aparecia.

Sendo assim, a única maneira de a população brasileira vencer a luta contra o golpe de estado de 2016, que resultou nas eleições que levaram Jair Bolsonaro ao governo, é realizando uma intensa mobilização pelo Fora Bolsonaro e por Lula presidente em 2022.

É preciso polarizar cada vez mais e investir em uma candidatura dos trabalhadores, que anime a população a se engajar em uma candidatura que reverta tudo o que foi feito após o golpe de estado e, inclusive, garanta outros direitos que até então ainda não haviam sido conquistados.

A candidatura de Lula deve ser posta agora, para que qualquer tipo de tentativa da burguesia de impedir a candidatura seja exposta e demonstre a nova tentativa de golpe de estado no Brasil.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores

DCO

O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.