Menu da Rede

Em ação criminosa da polícia, dois homens são executados em MG

A solução está nas bases

Como ampliar os atos pelo Fora Bolsonaro?

As direções da esquerda lutam encarniçadamente para incluir a direita nas manifestações, na esperança de que esta derrube Bolsonaro. Algo que não poderia estar mais errado

Bloco vermelho do ato do dia 03/07 – DCO

Um setor da direção do movimento de luta que está nas ruas hoje vem incansavelmente tentando emplacar uma política de colaboração com a direita, sob o pretexto de que a presença dos direitistas “arrependidos” agregaria popularidade aos atos e autoridade política nos pedidos de impeachment.

O fato é que os tais “arrependidos”, sendo eles arrependidos ou não, são figuras de direita, tanto do chamado centro político, como o PSDB, ou até elementos da extrema direita supostamente não bolsonarista, como Kim Katagiri, Alexandre Frota e Joice Hasselman.

O PSDB, que é o mais influente dos grupos que estão se infiltrando na mobilização, serve bem para ilustrar o quanto está errada a política da esquerda para “ampliar” os atos. O PSDB é inimigo histórico do povo brasileiro, destruiu a economia nacional durante o governo FHC e reprime os trabalhadores paulistas há décadas através do uso da polícia militar assassina do estado de São Paulo. A sua presença nos atos não só não agrega, pois o PSDB sofre de um esvaziamento político, algo natural para um partido do centro político em período de polarização política, como traz desconfiança sobre os atos da parte do povo, que odeia o partido que destruiu a economia nacional do âmago do seu ser. A presença desta direita só serve o propósito de reabilitá-la e dar nas mãos da burguesia o controle das manifestações.

Desde que a situação vem se encaminhando para a polarização, o partido sofre de um conflito interno entre dar uma guinada definitiva em direção à extrema direita bolsonarista, e evitar a polarização de acordo com o instinto de autopreservação política da burguesia. A ala extrema direita do partido teve à sua frente o governador de São Paulo João Dória, por sua cínica e oportunista oposição a Bolsonaro, hoje entra na lista de direitistas “civilizados” da frente ampla. Este conflito interno evidencia que o partido, se está hoje contra Bolsonaro, não é por convicção ou ideologia, mas por uma manobra oportunista da burguesia para retirar Bolsonaro e colocar um direitista mais palatável no poder, o que tem sido chamado na imprensa de terceira via.

A verdade é que a chave para a expansão dos atos está na própria esquerda, mais especificamente nas organizações populares e partidos, o público das manifestações ainda é muito restrito, apesar do tamanho das manifestações. As verdadeiras bases da esquerda não estão nas ruas, e mobilizá-las é o que falta para o movimento ganhar um verdadeiro caráter de massas.

Quando vemos as manifestações, sentimos a falta dos sindicatos, que contém os setores mais organizados da classe operária, e organizações de massa como o MST, que sempre que vai aos atos, vem em peso trazendo os sem-terra, outro setor oprimido da sociedade.

Isso apesar de ser o certo, não acontece. O normal seria que antes de convocar os outros, a esquerda mobilizasse sua própria base, mas ela neste momento se vê desconectada da sua base, pois está voltando às ruas após um ano e meio de paralisia, algo que deixou as organizações “enferrujadas” e sem noção da situação da sua base.

A você que chegou até aqui,

agradecemos muito por depositar sua confiança no nosso jornalismo e aproveitamos para fazer um pequeno pedido.

O Diário Causa Operária atravessa um momento decisivo para o seu futuro. Vivemos tempos interessantes. Tempos de crise do capitalismo, de acirramento da luta de classes, de polarização política e social. Tempos de pandemia e de política genocida. Tempos de golpe de Estado e de rebelião popular. Tempos em que o fascismo levanta a cabeça e a esquerda revolucionária se desenvolve a olhos vistos. Não é exagero dizer que estamos na antessala de uma luta aberta entre a revolução e a contrarrevolução. 

A burguesia já pressentiu o perigo. As revoltas populares no Equador, na Bolívia e na Colômbia mostraram para onde o continente caminha. Além da repressão pura e simples, uma das armas fundamentais dos grandes capitalistas na luta contra os operários e o povo é a desinformação, a confusão, a falsificação e manipulação dos fatos, quando não a mentira nua e crua. Neste exato momento mesmo, a burguesia se esforça para confundir o panorama diante do início das mobilizações de rua contra Bolsonaro e todos os golpistas. Seus esforços se dirigem a apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe, substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular. O Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra a burguesia, sua política e suas manobras. 

Diferentemente de outros portais, mesmo os progressistas, você não verá anúncios pagos aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos de maneira intransigente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Trabalhamos dia e noite para que o DCO cresça, se desenvolva e seja lido pelas amplas massas da população. A independência em relação à burguesia é condição para o sucesso desta empreitada. Mas o apoio financeiro daqueles que entendem a necessidade de uma imprensa vermelha, revolucionária e operária, também o é.  

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com valores a partir R$ 20,00. Obrigado.

SitesPrincipais
24h a serviço dos trabalhadores
O jornal da classe operária
Sites Especiais
Blogues
Movimentos
Acabar com a escravidão de fato, não só em palavras
Cultura

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.