Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

A prefeitura de Campinas, cidade no interior de São Paulo, está atrasando o salário dos seus funcionários, aposentados e pensionistas. A situação é tão grave que apenas parte dos salários foi paga nesta semana, sendo o restante prometido para o final da próxima semana.
Os funcionários públicos são um dos conjuntos mais atacados pelo golpe, não só por causa da capacidade que eles apresentam de resistência por meio da possibilidade de greves com maior facilidade do que na iniciativa privada, mas também pelo fato do montante de dinheiro do Estado estar sendo amplamente disputado pelos golpistas em seus saques ao país e a economia nacional. Assim, a capacidade de retirar recursos públicos em grande quantidade faz dos cofres públicos um alvo necessário para os golpistas.
Campinas é apenas um de tantos exemplos de cidade que enfrenta problemas de atraso de pagamento, a situação de caos vem se estendo para todo o País devido as políticas recessivas aplicadas pelos golpistas. Nesse sentido, a pressão dos trabalhadores é fundamental para manter mesmo o direito básico de receber os salários.
Em Campinas, um ato realizado na manhã desta sexta (dia 5), na frente da casa do prefeito da cidade, Jonas Donizette (PSB), foi responsável por apressar a resolução parcial dos pagamentos atrasados.

Antes do ato, os pagamentos estavam programados para serem acertados depois da segunda quinzena de janeiro.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas