neymar-jr-001
|

O melhor jogador da atualidade, do Brasil e do mundo, na opinião deste colunista, Neymar Jr. tem sofrido uma série de ataques desde a Copa do Mundo de 2014, realizada no Brasil, sob forte campanha contra realizada pela direita e pela esquerda pequeno-burguesa.

As acusações contra o jogador que ainda representa o futebol brasileiro, ou seja, a habilidade contra a brutalidade, já foram todas as possíveis e imagináveis, estando dentro ou fora do Código Penal.

É preciso esclarecer, desde já, que este periódico tem denunciado toda a campanha imperialista e da imprensa golpista contra o jogador e contra o futebol brasileiro como um todo. É uma campanha que busca, finalmente, reverter todos os lucros e recursos do futebol para os grandes tubarões do ramo, europeus e norte-americanos.

Campanha que tem por objetivo, por fim, acabar com o futebol tal como o conhecemos. É a transformação do futebol arte em futebol força, estádios em arenas, torcedores de futebol em torcedores de tênis.

Pesa sobre Neymar uma recente acusação de estupro, que, até o momento, não chegou a um final, até porque as provas contra o atacante são escassas, se não inexistentes. Até o julgamento final, daquele que não cabe mais recurso, deve reinar para Neymar o princípio da inocência, até que se prove o contrário. Um princípio democrático elementar que o Judiciário golpista passou por cima no caso da prisão de Lula, por exemplo.

Mas essa denúncia começou a ficar em segundo plano, especialmente em razão da falta de provas e novas evidências do cometimento de crime por parte do atacante do PSG.

Daí, quando alguém poderia pensar que a poeira vai baixar para o ídolo do futebol brasileiro, surge uma nova medida contra, agora, o patrimônio do atacante. Um confisco realizado pela Justiça deixou 36 imóveis do craque totalmente indisponíveis, ou seja, penhorados até que se resolva uma suposta sonegação realizada pelo atleta quando da transferência do Santos para o Barcelona, em 2013.

Que existe sonegação nas transações do futebol mundial, ninguém pode duvidar. Afinal, é um negócio capitalista, e se tem uma coisa em que capitalistas são bons é em sonegação e corrupção.

Mas que o raio caia sempre na mesma árvore, aí já possível desconfiar de uma perseguição direcionada. Não é realmente possível que só Neymar tenha sonegado impostos em transações de futebol. Por outro lado, mesmo essa acusação, de sonegação, é somente isso, uma acusação, na qual Neymar ainda pode se defender.

Mas, de toda sorte, é realmente impressionante como a imprensa golpista “acha”, a cada dia que passa, uma nova maneira de atacar o atacante do PSG que, agora, com valor de venda em baixa, por conta da acusação de estupro, pode retornar ao Barcelona, como afirmam alguns sites esportivos.

De toda maneira, e, vendo em especial o que a imprensa golpista disse da Seleção Brasileira após a estreia na Copa América, é relativamente óbvio que está em marcha uma campanha para destruir o futebol brasileiro, que é um patrimônio do povo. A começar pela Seleção e por Neymar, o homem que teria praticado praticamente todos os crimes possíveis, ao contrário do resto dos jogadores de futebol em todo mundo.

Relacionadas