Siga o DCO nas redes sociais

O mundo inteiro mostra
O socialismo virou moda
A ideia do socialismo é poderosa, nem 200 anos de campanha caluniosa conseguiu impedir o seu avanço
04-02-2019-Bernie-Sanders-2160x1200
O mundo inteiro mostra
O socialismo virou moda
A ideia do socialismo é poderosa, nem 200 anos de campanha caluniosa conseguiu impedir o seu avanço
Foto: Repdroução
04-02-2019-Bernie-Sanders-2160x1200
Foto: Repdroução

Desde que me tornei militante, uns 7 ou 8 anos atrás, sempre ouvi dos moderados de esquerda e da direita que ser radical não dava votos, que a palavra comunista ou socialista é tabu, que afastava as pessoas. Com o tempo, a militância, os companheiros mais velhos me mostraram que não era nada nem parecido com isso.

No Brasil, a esmagadora maioria dos partidos faz alusão a movimentos socialistas, até partidos de direita e de extrema-direita: O que seria o PSDB, senão um usurpador do nome Social Democrata (histórico nome dos partidos socialistas europeus), O PSD (Partido Social Democrático) também. O Partido Socialista Brasileiro, legenda direitista que abrigou o vice de Alckmin, O PDT também, eles são oficialmente, apesar deste título não valer nada, os representantes da Internacional Socialista, usam até a rosa vermelha, histórico símbolo do socialismo.

Recentemente o eterno candidato a presidente, Ciro Gomes, se declarou um socialista democrático, ou defensor da social-democracia. Isso causou uma certa perplexidade. Por quê um homem tão direitista quanto Ciro, estava se declarando socialista se ele estava querendo votos?

Nesta última semana, as redes socias explodiram com mais um caso de socialistas de mentirinha. O candidato à presidente dos EUA, Bernie Sanders, aparece, se as pesquisas valessem para algo, cotado como o candidato do Partido Democrático para as eleições, e nestas eleições ele é cotado como vencedor, ou seja, o próximo presidente dos Estados Unidos.

Acontece que Bernie é um autodeclarado socialista democrático, que, como Ciro, não é socialista, mas pelos menos é um esquerdista.

Sanders não defende coletivizar os meios de produção, socializar as riquezas ou similares. Ele defende programas sociais e aumentos salariais, etc. É tão socialista quanto o Lula.

Um artigo do economista Paul Krugman, democrata norte-americano, mostra isso, que não tem nada de socialista, mas falha em explicar o porquê dessa insistência de falar em “revolução política” “socialismo” e similares.

Existe uma explicação lógica. A política mundial está numa escalada de radicalização, cada dia mais o povo vai à esquerda, e a burguesia à direita. Isso explica também os Bolsonaros, Trumps e Salvinis do mundo.

Ciro, Sanders e todos os partidos citados usam a roupagem do socialismo, e Sanders em particular, da revolução, pois estas ideias são cada vez mais populares entre o povo.

Uma pesquisa de opinião aponta que uma maioria dos jovens americanos prefere o socialismo. Por enquanto, essas pessoas pensam, nos EUA, que este socialismo é o reformismo de Sanders, em breve eles saberão na verdade é o revolucionarismo de Lênin e Trótski. É, definitivamente, o socialismo virou moda.

Leia Também  Nova Iorque sob toque de recolher a partir deste 1º de junho
 



Share via
Copy link